Ultima atualização: 2 de agosto de 2021

Como escolhemos

4Produtos analisados

45Horas investidas

13Estudos avaliados

215Comentários coletados

A escolha de uma ferramenta de trabalho é muitas vezes um processo tedioso. Ainda mais quando você pensa em todos aqueles projetos de madeira que você quer fazer, mas não pode fazer sem as ferramentas certas. A serra circular é uma daquelas ferramentas indispensáveis para dar rédea solta aos seus planos. Entretanto, você pode querer comprar uma, mas não sabe como escolher a correta.

Escolher uma serra circular, como em qualquer ferramenta deste tipo, é um processo rigoroso de análise. Especialmente quando você não sabe no que se concentrar ao escolher a ferramenta certa. Diga adeus às suas preocupações. Neste artigo, nós lhe diremos tudo o que você precisa saber ao comprar uma serra circular. Que tipos existem, quais são as suas lâminas, como afiá-las e os critérios a serem levados em conta na hora de escolher o seu. Vamos começar!




O mais importante

  • Você deve ter uma idéia clara do que você quer usar sua serra circular, pois isto irá determinar o tipo que você deve comprar, assim como as rodas de corte que você precisa usar.
  • É importante que você esteja ciente do desempenho da sua máquina, pois será o seu poder que ditará principalmente os materiais que você pode cortar.
  • Não esqueça de usar equipamentos de proteção pessoal, como óculos de proteção, luvas e máscaras faciais.

Serra circular: nossa recomendação dos melhores produtos

Há muitas variáveis ao escolher a sua máquina. Levando em conta essas características diferenciadoras, fizemos uma seleção das serras circulares mais destacadas do mercado. Eles têm sido endossados por seus usuários e se destacam por algumas de suas características técnicas. Estes são:

Guia de compra: O que você precisa saber sobre serras circulares

Ao decidir sobre sua serra circular, você pode ter várias perguntas sobre como ela funciona, quão poderosa ela é e que tipos de lâminas ela tem. Embora a princípio possa parecer complicado de entender, o seguinte Guia de Compras lhe dará as respostas precisas a todas as suas perguntas. Você entenderá porque as serras circulares são uma ferramenta indispensável para seu trabalho.

carpintero industrial mediante la mitra sierra circular corta placas de madera

As serras circulares são usadas para cortar diferentes materiais como madeira, plástico, metal, telhas, entre outros. (Fonte: bogdanhoda: 69381770/ 123rf)

O que é uma serra circular e para que ela é usada?

Serras circulares são ferramentas que consistem em um motor elétrico, que gira um disco de corte em alta velocidade, a fim de cortar ou serrar diferentes tipos de materiais. São usadas para serrar, longitudinalmente ou transversalmente, madeira, plástico, concreto, asfalto, telhas e outros materiais.

Que tipos de serras circulares existem?

Existem diferentes tipos de serras circulares. Dependendo do trabalho a ser feito, é importante que você considere os diferentes modelos que você pode encontrar. Desta forma, você evitará gastar muito dinheiro para uma ferramenta que pode ser para uso profissional, quando você só precisa de uma serra para o trabalho doméstico. Aqui estão os tipos mais comuns de serras circulares que você verá no mercado.

  • Serras circulares manuais: Elas têm a habilidade de cortar reto e eficientemente. Eles são usados por meio de um cabo, que é impulsionado por seus braços, cortando o material previamente ancorado a uma superfície plana. Eles são menos precisos, pois são alimentados pela mão do usuário.
  • Mini serra circular: Similar em capacidades à serra circular manual. Devido à sua menor potência e velocidade de corte, é ideal para projetos menores e para uso em materiais menos densos e mais finos. Eles são acionados manualmente por meio de um cabo e usam lâminas menores.
  • Serras de bancadaou de mesa: Estas têm a capacidade de cortar reto e eficientemente. A serra circular é fixada a uma bancada ou mesa. Neste caso, você é quem tem que mover a madeira ou o metal para fazer o corte. O disco de corte se projeta do topo da bancada de trabalho.
  • Serra de serra: Comumente, funciona em ângulos retos, mas, dependendo da Serra de serra, isto pode variar. Ao contrário da serra de bancada, a serra de corte tem seu disco de corte montado em uma estrutura que a eleva acima da superfície de trabalho e, quando baixada, produz o corte no material desejado. Ele faz cortes precisos.
  • Serras de arco radial: Possui um braço que se estende acima da mesa de trabalho, ao longo do qual a serra circular desliza. Seu movimento circular é de 180° sobre o eixo da serra. Ele garante maior versatilidade do que a serra de bancada. Além disso, seu sistema giratório de 45° gira para ambos os lados, produz cortes precisos e pode ser operado pelo usuário para produzir o corte ou grampeado e manipulado manualmente.

Como eu sei qual lâmina usar para minha serra circular?

Há uma grande variedade de lâminas no mercado, cada uma com uma finalidade e uso específicos. Sugerimos que você tenha em mente para que você quer usar sua serra circular, assim como o material que você vai cortar, sua espessura e o grau de acabamento que você está procurando. Antes de comprar sua lâmina, considere as seguintes características para uma experiência segura e ótima.

  • Aço ferramenta: Estes discos são feitos de aço carbono temperado e têm usos mais limitados do que HSS, carboneto e diamante.
  • Aço de Alta Velocidade (HSS): As lâminas de HSS têm pontas ligadas com cromo, molibdênio, vanádio e cobalto, e oferecem bons acabamentos superficiais.
  • Metal duro: São lâminas de aço carbono temperado com ranhuras de expansão, reduzindo o aquecimento da peça e evitando possíveis dobras do disco. Por sua vez, essas lâminas são divididas em dois subtipos. Com dentes sintetizados de metal carboneto ou dentes com inserções de HM(metal duro).
  • Diamante: As lâminas diamantadas são feitas de aço carbono temperado, com a borda (segmentada ou contínua) feita de diamante policristalino (PCD).

Qual é o diâmetro da lâmina de uma serra circular?

Há uma grande variedade de escolhas em termos de diâmetros de lâminas, que normalmente variam de 85 mm a 650 mm. Geralmente, o mais comumente usado é de 184 mm. Entretanto, serras de serra e de bancada tendem a exigir lâminas de maior diâmetro, sendo 250 mm ou 300 mm as mais usadas.

Outros fatores a serem considerados são o tipo de material a ser cortado, o corte desejado e a densidade da superfície em que você está trabalhando. Quanto mais sólida e úmida a madeira, maior o diâmetro e menor o número de dentes necessários.

Lembre-se que a espessura máxima do material a ser cortado não deve exceder 1/4 do diâmetro do disco de corte

Que número de dentes pode ter um disco de corte?

Um fator lógico a considerar é que quanto menos dentes o disco tiver, mais rápido e áspero será o corte, sendo ideal para fazer cortes longitudinais. Caso você precise fazer cortes cruzados, ou se você estiver procurando por mais precisão, o uso de uma lâmina com mais dentes é ideal. A distância entre a ponta de cada dente é chamada de passo.

Com isto em mente, para um corte de qualidade, um certo número de dentes precisa penetrar o material simultaneamente. Normalmente, quanto mais baixo o passo, mais dentes uma lâmina terá, resultando em um acabamento mais limpo e vice-versa.

N.Nº de dentes Material
16, 18 ou 20 Madeira estrutural ou áspera
24 ou 36 Madeira aplainada ou tábuas de 2"
40 dentes Madeira dura, plástico, metais macios
60 dentes Madeira aglomerada, melamina ou facetada

Qual é o ângulo dos dentes na lâmina?

Também conhecido como ângulo de ataque ou ângulo de ataque, esta magnitude descreve a direção dos dentes em uma lâmina de serra circular, em comparação com o eixo central e a rotação da lâmina. Como regra geral, quanto maior o ângulo dos dentes em relação ao centro da lâmina, melhor o acabamento da peça.

Quanto mais macio o material, melhor é usar uma lâmina com um ângulo de corte maior, enquanto que para materiais mais duros, um ângulo de ataque menor é recomendado.

Ângulo positivo de ataque Ângulo negativo de ataque Ângulo 0° de ataque
Os dentes estão inclinados na direção da rotação da lâmina (para frente) A inclinação dos dentes é para trás, contra a rotação do disco O centro do disco está alinhado com os dentes
Maior remoção de estoque Produz menos lascas Reduz o risco da serra circular saltar para fora, dando maior segurança

Qual é a vida útil de um disco diamantado em uma serra circular?

Você já esteve numa situação em que, não importa quanta pressão você aplique, a ferramenta simplesmente não irá tão longe quanto você gostaria? Se assim for, é muito provável que a ferramenta de corte tenha perdido sua vantagem. Aqui estão algumas dicas de como dizer se a sua roda de corte está falhando.

  1. Vibrações inusitadas ao usar a serra circular.
  2. Dano ou deformação evidente na roda de corte.
  3. É possível ver o núcleo ou lâmina de aço inoxidável do disco diamantado devido ao desgaste.
  4. Diminuição da velocidade de corte.
  5. Ruídos de corte inusitados.

Em geral, um novo disco diamantado barato pode durar até 12 horas, desde que você siga a técnica correta e use os materiais corretos. Por outro lado, existem lâminas de melhor qualidade, que podem durar até 120 horas.

Se a borda da lâmina é lisa quando você passa os dedos sobre ela, é um indicador de que você deve trocá-la

Como afiar a lâmina dentada da minha serra circular?

Levando em consideração o uso que você faz da sua serra circular, e com que freqüência você troca as lâminas cortantes, será necessário substituir a existente, seja comprando uma nova ou afiando e mantendo as que você já tem. Aqui, nós detalhamos como cuidar de suas lâminas de serra, especialmente considerando que, na maioria dos casos, não há necessidade de comprar uma lâmina nova.

Antes de mais nada, você precisa identificar se sua lâmina precisa ser afiada. Para lâminas de madeira, a necessidade geralmente pode ser sentida no momento de um corte. Se você precisa adicionar mais pressão que o normal, geralmente é um bom indicador de que é hora de substituir ou afiar a lâmina. Ao afiar sua lâmina, você vai precisar dos seguintes materiais:

  • Arquivo diamantado
  • Grampo
  • Lâmina sem corte
  • Paciência

Uma vez que você tenha seus materiais, siga os passos abaixo para afiar sua lâmina de serra circular.

  • Remova a lâmina: Para fazer isso, nós recomendamos que você siga as instruções no Manual do Usuário fornecido com sua serra. Se você não tiver estas, as serras circulares geralmente têm um sistema de travamento para o fuso no qual a lâmina está fixada.
  • Fixe a lâmina: Com a pinça, prenda a lâmina de modo que os dentes estejam de frente para você.
  • Marque o ponto 0: Com um lápis ou marcador, faça uma marca no dente que você lixou pela primeira vez, para que você saiba quando você terminou de virar.
  • Afiar: Pegue sua lima de diamante e incline a 20°, dando cerca de 4 a 5 golpes para trás e para a frente ao longo do bisel da ponta.
  • Répétez, s'il vous plaît À medida que você for avançando, repita os passos 2 e 3.
  • Arquivo de acabamento: Uma vez que o processo de afiação esteja completo, passe seu arquivo diamantado na parte de trás das pontas do disco, limpando quaisquer raspas que possam ter ficado presas.
  • Et voilà! Sua lâmina está pronta para ser armazenada ou reinstalada em sua serra circular.

Trabajador sierra un tablón de madera en un sitio de construcción.

É necessário analisar para que será usada a serra circular. Para uso profissional ou doméstico, o desempenho técnico não será necessariamente o mesmo. (Fonte: schan : 87819659/ 123rf)

Como afiar o disco diamantado da minha serra circular?

Sendo um problema comum no mundo dos marceneiros amadores, é muito provável que tenha acontecido a mais de um de vocês que a sua serra circular simplesmente pare de cortar. Se você pode se relacionar, continue lendo! É frustrante, especialmente considerando o alto custo da compra de um disco diamantado. É por isso que recomendamos que você aprenda a identificar quando você pode recuperar sua lâmina e quando isso não é possível

  • "Vestir o disco": Este é o procedimento para embotar e afiar o disco diamantado. Consiste em afiar a lâmina passando-a sobre uma pedra de amolar, mó, tijolo refratário ou, em casos extremos, obsidiana ou cimento.
  • Vejaque existe uma borda: Uma vez que você tenha identificado que existe de fato uma borda para lixar e não está completamente desgastada, traga o material que você vai afiar com perto da cabeça de corte, cobrindo mal o disco com o material.
  • Deixe-o fluir: Você deve ter certeza de que você tem água fluindo na área de contato. Então, faça um corte na roda ou pedra que você está usando, repetindo este processo de 3 a 10 vezes, dependendo do material que você tenha escolhido. Certifique-se de que você não repita o mesmo corte e, se necessário, substitua a pedra ou o tijolo por um novo.

Critérios de compra

Há vários critérios a serem considerados ao comprar uma serra circular. Com estes em mente, aqui estão os mais importantes, dependendo do seu nível de experiência e do uso pretendido da sua máquina. Como você terá visto em nosso Guia de Compras, uma serra circular é uma ferramenta com suas próprias complexidades. A este respeito, os seguintes critérios irão ajudá-lo a afinar os detalhes finais de sua escolha.

Potência do motor

A potência do motor está diretamente relacionada ao desempenho de sua serra circular. Há modelos de serra com motores que variam de 745 W a 3730 W. Tenha em mente que quanto mais massivo, mais duro ou grosso for o material, mais potência será necessária do motor. Portanto, escolha sua serra circular de acordo com o projeto que você tem em mente.

Sierras circulares para cortar

Aço, metal duro e diamante são alguns dos materiais a partir dos quais as lâminas de serra circular são feitas. (Fonte: Maksim Safaniuk: 166956831/ 123rf)

Tamanho

As dimensões de uma serra circular são um ponto importante a considerar, especialmente porque alguns modelos utilizam muito espaço. No caso de uma serra circular de mesa, mitra ou arco radial, deve haver espaço suficiente para a instalação, assim como espaço suficiente para mover as peças.

Certifique-se de que é possível se mover confortavelmente e sem posições de risco. Se você tem pouco espaço ou gostaria de transportar sua serra circular com mais conforto, uma serra circular manual seria a melhor opção, pois permite maior versatilidade e portabilidade ao utilizá-la.

Profundidade de corte

Ao detalhar a profundidade de corte de uma serra circular, os fabricantes a especificam com a máquina em ângulo reto (90°) e com a serra inclinada (45°). Neste sentido, se estamos nos referindo a serras circulares ideais para trabalhar, a capacidade de corte deve ser de pelo menos 55 mm e 43 mm para ângulos retos e inclinados.

Acessórios de segurança

No caso de serras circulares, é importante ter certeza de que elas possuem todos os acessórios para sua completa segurança. Estas podem variar dependendo da marca e do tipo de serra circular que você compra, mas comumente elas são:

  • Cunha protetora
  • Cunha de segurança
  • Push stick (serra circular de banco)
  • Cerca ou guia de corte (no caso de serras circulares manuais)

Resumo

Finalmente, é importante que você siga as instruções especificadas no manual do usuário de sua máquina. Desta forma, você garante em primeira mão que as ações que você toma ao instalar, usar e manter sua serra circular são corretas. Lembre-se que, no caso de uma serra circular, há muitos fatores que afetam o desempenho da máquina, como o disco de corte, a marca, a potência, o material a ser cortado, a manutenção das peças, entre muitos outros.

Como sempre, nós convidamos você a deixar seus comentários ou perguntas na seção de comentários.

(Fonte da imagem em destaque: Eakkachai Nimaphan: 83788229/ 123rf)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas