Ultima atualização: 26 de abril de 2020

Como escolhemos

12Produtos analisados

13Horas investidas

3Estudos avaliados

54Comentários coletados

Bem-vindo ao Sweetest Home, o seu Guia de Compras especialista em ferramentas! Hoje é dia de falar sobre prumo, um dos produtos milenares indispensáveis para você construir as paredes ou outras construções verticais.

Você pode até pensar que os prumos verificadores do aprumo (ou, da verticalidade) são todos iguais. Mas, existem diferentes tipos, sendo que conhecê-los é importante para desenvolver os melhores trabalhos e economizar na compra deste item.

Há muitos tamanhos de prumo e usar uma estrutura comprida, pesada ou grande pode tornar complicada a medição. Preços, onde comprar, melhores marcas, enfim, tudo o que você precisa para ter excelente experiência de compras é revelado agora!

Primeiro, o mais importante

  • Existem prumos pequenos e versões maiores que se destinam às grandes construções.
  • Quanto menos qualidade tem o prumo mais os ventos podem interferir nos resultados das medições.
  • O tamanho da corda determina o limite de distância que se pode trabalhar com o prumo.

Melhores prumos: Nossos favoritos

Existe uma técnica perfeita para saber qual modelo comprar. É simples. Basta saber quais são as características dos melhores prumos do mercado:

Prumo de face Tramontina 500g

O produto de 500 gramas tem a marca Tramontina de qualidade. A produção é revestida por plástico, na parte interna há aço inox de qualidade superior. Nylon testado e aprovado faz parte do material da corda.

Paredes de poucos metros são levantadas com mais equilíbrio vertical ao prumo com tons amarelo e preto no corpo. Produção de preços baixos que duram dezenas de anos perfeitamente.

Prumo de centro Tramontina 400g

É um produto muito prático para usar nas obras do dia a dia. O modelo Tramontina está produzido de acordo com as principais normas específicas para a produção deste tipo de equipamento.

A base de apoio possui aço, ao contrário das concorrentes que quase sempre oferecem madeira na composição. Há ferro fundido internamente. No cordão tem nylon, seguindo as principais tendências de prumo no mercado global.

Prumo de face Vonder 700g

Há metal tanto no corpo do prumo como também na base de apoio com madeira para uma maior estabilidade na produção. A amarelinha que é uma marca da Vonder integra o corpo principal nesta edição de 700 gramas.

Pedreiros usam este produto na construção de muros mais altos, tendo em vista o comprimento de 1,75 metro presente na corda de nylon. Versão com 60 centímetros de altura e 40 centímetros de comprimento.

Prumo de face Vonder 400 gramas

Com 400 gramas este prumo de 60 centímetros na altura e comprimento é composto por plástico no corpo, na cor amarela clássica da Vonder. O apoio desta ferramenta apresenta madeira de qualidade resistente contra os fungos.

O comprimento do modelo pode chegar a quase 2 metros. Item com plástico resistente a quedas e não tóxico.

Guia de Compra

Um dos piores erros dos pedreiros em início de carreira é levantar um muro torto. Além de gastos de materiais também surge aquele sentimento de tempo perdido. Para evitar este problema há uma maneira: aprender a comprar prumo ao ler o Guia de Compras.

Um pedreiro usando um prumo para medir um pequeno muro de pedras grandes.

Quando o prumo tem qualidade o trabalho é mais rápido e preciso (Fonte: auremar / 123rf.com)

O que é um prumo e para que serve?

Elevar o ponto e averiguar a vertical, estes são os dois principais objetivos do prumo. Você pode apoiar a produção em tripés ou primas ortogonais, conforme o tipo de modelo utilizado.

O produto é composto por um apoio ligado a um fio de nylon que possui o peso nas extremidades. Tanto o apoio como o fio podem ser compostos por madeira, plástico, chumbo ou metal.

Na engenharia civil um prumo é usado em paredes ou colunas para verificar a verticalidade e o paralelismo.

Uma parede de tijolos.

O segredo da construção de um muro grande começa com a escolha do prumo (Fonte: PublicDomainPictures / Pixabay.com)

Como usar um prumo de forma correta?

Inicialmente, você deve apoiar a base de seu prumo no prima, tendo o peso da ferramenta direcionado ao lado do tijolo.

Quando a corda fica reta e o peso um pouco próximo do tijolo é sinal de que o muro está reto.

Se o peso permanece muito distante ou rente demais ao muro quer dizer que o muro não está reto e verticalizado, sendo necessário o uso de reboco aos ajustes.

https://www.instagram.com/p/B1Pvio8ljKf/

Quais são as vantagens dos prumos?

Em diferentes tipos de tamanhos, materiais e preços, existe um modelo que se adequa a cada orçamento ou necessidade de trabalho. Este produto pode durar diversos anos sem mostrar os sinais de desgastes.

Se você acha que a corda está suja ou desgastada pode trocar sem problemas por outra unidade de nylon, aproveitando a base e o peso que são as duas partes mais valiosas do prumo a fio.

Este instrumento de trabalho que não precisa de pilhas ou tomadas para funcionar é a garantia para as construções em ângulos perfeitos. Mas, a utilização correta de um prumo requer certa prática técnica.

Entenda melhor as vantagens dos prumos:

Vantagens
  • Diferentes materiais
  • Diferentes tamanhos
  • Assegura a verticalização angular da obra
  • Resistente e barato
  • Não precisa de pilha ou energia elétrica Dá para trocar a corda
Desvantagens
  • Conhecimento técnico para usar
  • O vento pode influenciar nas medições
  • Muros altos exigem um prumo mais robusto

Qual é o melhor prumo?

Essencialmente há dois formatos de prumos. Um modelo é analógico e funciona com nylon ao ponto do que os outros são digitais. Quer saber qual opção vale a pena usar? Então, compreenda a definição das versões:

Prumo de nylon analógico

Estes modelos possuem uma corda de nylon, a base e o peso. Tais produções não precisam de bateria para funcionar, custando preços mais baixos. Edições também conhecidas como “fio de prumo”.

A grande parte das ofertas serve para usar em muros de até 6 metros. Mas, também existem versões maiores com mais alcance, embora sejam difíceis de encontrar no mercado.

Um prumo e um nível a laser.

Alguns tipos de prumos têm forma de pião (Fonte: diane290 / Pixabay.com)

Prumo a laser digital

Por serem a laser estas produções possuem mais alcance, embora funcionem com bateria. Estas edições são produtos tecnológicos sensíveis, poucos resistentes a quedas. Você pode usar o prumo digital com menos interferências dos ventos.

Os prumos digitais também funcionam como nível a laser!

As características de prumo de nylon ou a laser você pode conferir abaixo:

Prumo de nylon Prumo a laser
Bateria Não Sim
Preço Menos Mais
Resistência Mais Menos
Praticidade Menos Mais
Funcionamento Com corda de nylon Digital e laser
Nível a laser Não Sim
Interferência de ventos Mais Menos
Alcance Menos Mais

Quanto custa?

Um prumo tradicional no formato analógico pode custar de R$ 10 a até R$ 100. A precificação depende de fatores como: material, distância, comprimento, marcas, certificação, composição da corda, entre outros.

Os modelos que possuem um formato de pião em geral têm materiais mais resistentes do que as estruturas na forma plana. Ao comprar kits com 3 ou mais primos você economiza cerca de 10% por unidade.

Onde comprar?

As lojas de construção estão entre os locais do varejo tradicional para encontrar variedades de modelos de prumo. Leroy Merlin, Center Castilho e Armarinhos Fernando são pontos de vendas confiáveis.

Nas Lojas Americanas ou em outros comércios de departamentos também há prumo à venda, mas sem tantas opções diversas para escolher.

A diversidade de prumo é mais frequente nas vendas online. Principalmente em lojas como Amazon Brasil você encontra dezenas de opções. Também dá para achar escolhas no Mercado Livre e Submarino.

foco

Você sabia que os primeiros registros do uso de prumo pela humanidade foi há 5.000 anos? Este instrumento teve importância fundamental para gerar o alinhamento necessário no sentido de construir as pirâmides egípcias em ângulos perfeitos.

Critérios de Compra: Segredos para comparar modelos de prumo

Quando você não conhece muito sobre o produto às vezes os vendedores acabam empurrando uma produção sem qualidade. Para economizar e ao mesmo tempo comprar algo robusto siga os critérios das comparações de ofertas:

  • Tipo
  • Material
  • Corda
  • Qualidade

Continue lendo para saber a definição dos pontos listados:

Tipo

Ao considerar os principais manuais da construção civil existem dois tipos de prumos no formato analógico que funcionam com corda. Uma edição se chama “centro”. A outra tem o nome de “face”.

  • Prumo centro: Na forma de pião este equipamento pode ser usado a partir de qualquer ponto para determinar as linhas verticais de diferentes construções. Quando a produção é esticada o cordão fica na mesma posição da ponta do produto.
  • Prumo de face: Também conhecido como prumo de parede, este modelo é desenvolvido para trabalhar de modo mais específico em paredes, colunas e muros, para saber se os elementos verticais estão aprumados. Ele tem base de madeira ou outros materiais.

O prumo de face possui uma forma mais plana, redonda ou quadrada, como se fosse um pedaço de cano.

Um prumo de madeira em um canteiro de obras.

Cordas de nylon são as mais indicadas para prumos (Fonte: Sornranison Prakittrakoon / 123rf.com)

Material

Prumos de madeira e metal são mais eficientes externamente.

Se você trabalha mais em áreas externas para levantar muros de tijolos, não abra mão de modelos que possuam uma composição sólida. Modelos de madeira ou metais são eficientes para desenvolver o trabalho externo com menos interferência do vento.

Já para ambientes internos ou menos ventosos você pode usar produções de plásticos. Elas custam mais barato, embora possam não ser muito longas no alcance do cordão.

Corda

O alcance que o prumo consegue chegar é determinado conforme o tamanho da corda do prumo. No mercado você encontra produções que podem ir a até 10 metros ou um pouco mais.

Lembre-se de que prumos compridos precisam ter um peso bastante reforçado no prumo, do contrário podem ser muito sensíveis contra as correntes de vento.

Uma fileira com 3 pilhas de moedas, um prumo e outra fileira com 3 pilhas de moeda.

Aprenda a comprar um prumo qualitativo que cabe no seu orçamento (Fonte: Joachim Wendler / 123rf.com)

Qualidade

Comprar prumos de metal é uma boa sacada para quem quer um produto resistente. Até existem algumas versões de preços baixos que são metálicas. Mas, você precisa tomar cuidado e saber se o produto tem Inox de verdade.

É muito comum comprar um prumo de baixa qualidade e após alguns meses perceber que a estrutura está enferrujada – tome cuidado.

A mesma regra vale no caso de você escolher produções de madeira. Se atenha à qualidade da matéria-prima para não ter um produto repleto de fungos depois de pouco tempo de uso.

Carvalho, Ipê e Cumaru são as melhores escolhas de madeira para fabricar prumo.

(Fonte da imagem destacada: Khongkit Wiriyachan / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Curioso por natureza, Renato tem muito interesse no universo das ferramentas. Por isso, estudo a fundo e compartilha com os leitores do SweetestHome suas descobertas.