Mixer.
Ultima atualização: 23 de abril de 2021

Como escolhemos

10Produtos analisados

32Horas investidas

8Estudos avaliados

95Comentários coletados

Cozinhar de modo simples, rápido e sem trabalho. Eis o desejo de todo mundo, certo? Mas isso só é possível com planejamento, organização e, é claro, com os instrumentos certos. Pensando nisso, trouxemos para você no artigo de hoje um guia completo sobre o mixer.

Pequeno, portátil e multifuncional, o mixer é um utensílio indispensável em qualquer cozinha. Mas como ele costuma ser confundido com o liquidificador, é importante saber quais são as receitas que você pode fazer com o mixer, como usá-lo de forma correta e o que analisar antes de escolher o melhor modelo.




Primeiro, o mais importante

  • O mixer tem a função de triturar, liquidificar, picar e bater e, por isso, pode ser usado para preparar sopas, vitaminas, mousses e até bater massa de bolo.
  • Diferentemente do liquidificador, o mixer é pequeno e portátil, o que facilita o manuseio e a limpeza.
  • Os modelos mais novos se diferenciam de acordo com o material de fabricação, a potência e a quantidade de velocidades.

Melhores mixers: Nossas recomendações

Se você procura por um mixer, certamente já se deparou com uma infinidade de modelos e de marcas. Para poupar o seu tempo, nós fomos atrás dos melhores mixers do mercado e listamos abaixo para você.

Guia de compra: Tudo o que você precisa saber sobre o mixer

Antes de escolher o melhor modelo de mixer para levar para casa, é importante entender como você pode usar esse aparelho e quais cuidados precisa ter. Para isso, nós lhe convidamos a seguir com a gente nesse Guia de Compra.

Mulher tomando suco em copo com canudo.

Com o mixer você faz um suco rapidinho e sem precisar lavar muitas louças. (Fonte: nastogadka/ Pixabay)

Para que serve um mixer de alimentos?

O mixer é um utensílio pequeno e prático, que serve para triturar e misturar alimentos cozidos ou líquidos. Fabricado para ser utilizado apenas com uma mão, o aparelho possui lâminas em uma das extremidades, que são acionadas ao apertar um botão.

Sua função é, de fato, similar a de um liquidificador, mas, como veremos logo mais nesse artigo, o mixer é mais versátil. Isso porque ele é mais fácil de manusear e de limpar.

O que se pode fazer com um mixer?

Com um mixer, você pode preparar uma infinidade de receitas em segundos. De modo geral, o mixer é ideal para criar pequenas porções para uma ou duas pessoas. Veja algumas ideias:

  • Bebidas e caldos: Com o mixer, você pode fazer caldos, sopas, sucos, vitaminas e até purês;
  • Claras em neve: Dependendo do modelo de mixer que você comprar, ele também pode ser usado como se fosse uma batedeira, para bater claras como preparo de bolos, omeletes, quiches e merengue;
  • Massas: Você também pode usar o mixer para fazer a massa líquida de panquecas, crepes e de bolos.

Mas é fundamental que você saiba também o que não se pode fazer com um mix. Por conta de sua estrutura reduzida, esse utensílio não consegue realizar preparados com alimentos crus e duros demais.

Como se usa um mixer?

O mixer tem muitas vantagens, mas também tem uma grande desvantagem: Se você não souber manuseá-lo, a sua cozinha pode virar uma grande bagunça, com comida espalhada para todo o lado.

Por exemplo, se a ideia é bater uma sopa, o ideal é fazer isso em uma panela funda e com cuidado. Caso contrário, ao ligar o mixer, os ingredientes podem voar pelas paredes.

A dica é: nunca encoste a lâmina do mixer totalmente no fundo da panela ou da jarra. Mas também não deixe a lâmina muito longe do fundo. Encontre o meio do caminho e, assim, além de conseguir um trabalho de trituração mais eficiente, você ainda vai evitar muita sujeira.

Prato com sopa.

É preciso cuidado e um pouco de atenção para fazer uma sopa batida com o mixer. (Fonte: RitaE/ Pixabay)

Para evitar acidentes assim, alguns modelos de mixer já vem acompanhado de um copo ou uma jarra bem funda. Assim, com a maior parte do mixer dentro do recipiente, é mais fácil evitar bagunça e sujeira.

Além disso, é preciso ter em mente que no mixer as lâminas ficam expostas, o que pode ser um risco, principalmente na hora da limpeza. Para lavar, tire o cabo de alimentação da tomada antes de retirar os restos de comida que, por ventura, ficarem presos à lâmina.

Posso usar o mixer direto na panela?

Claro! Na verdade, essa é uma das vantagens do mixer. Você pode usá-lo para bater alimentos quentes e ainda dentro da panela.

Com isso, é possível fazer sopa batida, caldos, creme e molhos sem precisar sujar outra louça. Nesse caso, no entanto, valem algumas recomendações:

  • Dê preferência por utilizar um mixer com haste de inox, que resiste mais à temperaturas quentes;
  • O ideal é que as lâminas do mixer tenham protetores para não arranhar a sua panela;
  • Lembre-se de usar o mixer no meio da panela e tomar cuidado para o líquido não jorrar para fora.

O mixer substitui o liquidificador e o processador de alimentos?

Como vimos, o mixer tem função parecida com a do liquidificador e pode até substituí-lo. Em alguns casos, o mixer também pode funcionar como um mini processador.

No entanto, cada um desses aparelhos tem prós e contras fazendo com que muitas pessoas optem por ter um de cada.

O liquidificador, você já sabe, é ideal para bater desde alimentos moles até os mais duros e de forma super rápida. A desvantagem é que ele não bate sem líquido e, por ser maior, é mais trabalhoso para limpar e guardar.

Dois copos de vidro com vitamina de frutas vermelhas.

O mixer é ideal para fazer vitaminas rápidas. (Fonte: RitaE/ Pixabay)

O mixer, além de ser portátil e fácil de limpar, é mais funcional. Afinal, com ele é possível até mesmo bater a sopa ou preparar o molho enquanto eles cozinham na panela.

Além disso, com o mixer de alimentos é mais fácil preparar sucos para uma pessoa apenas, evitando ter que limpar vários utensílios.

Já o processador é o que realiza mais funções. Se com o liquidificador e o mixer é possível triturar e liquidificar, com o processador você pode ralar, moer e fatiar. No entanto, ele não pode ser usado com alimentos quentes.

A seguir, você confere uma tabela que mostra os prós e os contras de cada um desses aparelhos.

Liquidificador Mixer Processador
Função Triturar e liquidificar Triturar, liquidificar, bater e moer Triturar, ralar, moer e fatiar
Vantagens Prepara porções maiores e bate alimentos duros Fácil de usar e de limpar, pode ser usado com alimentos quentes Tem mais funções
Desvantagens Trabalhoso para limpar e ocupa mais espaço Não tritura alimentos crus e duros Não pode ser usado com alimentos quentes

Critérios de Compra: O que considerar ao escolher um mixer

Pronto, agora não restam mais dúvidas de que vale a pena ter um mixer. Mas como se certificar de que você estará comprando o modelo mais eficiente? Para isso, recomendamos que você leve em conta os seguintes fatores:

Haste de plástico ou inox

Observe que existem modelos com diferentes materiais de fabricação e que podem fazer a diferença na hora de usar o mixer. Nesse quesito, dê especial atenção ao material da haste.

Hoje é possível encontrar duas opções: hastes feitas de plástico e de inox. A de inox é mais higiênica e resiste muito melhor a altas temperaturas.

Maior ou menor potência

A potência do mixer é um dos fatores mais importantes a serem considerados na hora da compra. É ela que vai determinar a eficiência com que o utensílio trabalha. Modelos mais simples costumam ter potência entre 150W e 200W.

Mas se você precisa bater os ingredientes por mais tempo, será preciso uma potência maior, idealmente acima de 500W.

Opções de velocidade

Outro ponto que merece sua atenção na hora de escolher o mixer é a quantidade de velocidades do aparelho.

A maioria oferece apenas uma velocidade, que pode ser suficiente para pequenos preparos. Mas é possível encontrar modelos com duas até 5 velocidades.

Você sabia que marcas mais caras chegam a oferecer o mixer com até 20 níveis de velocidades? Mas isso apenas será útil caso você trabalhe com gastronomia.

Mais funções

Agora, se você busca mais funcionalidades, opte pelo mixer 3 em 1 ou 2 em 1. Esses modelos vêm acompanhados de outros aparelhos que podem ser acoplados ao motor principal do mixer.

Com isso, o equipamento também funcionará como um multiprocessador, um fouet ou um batedor de claras em neve e massas leves.

Resumo

O mixer é um eletroportátil essencial em qualquer cozinha. Com ele, você consegue preparar sucos, vitaminas, sopas e molhos de maneira rápida e sem trabalho.

Além disso, o mixer é mais fácil de limpar e ocupar menos espaço do que um liquidificador ou processador. Para escolher o melhor modelo, analise o material de fabricação mais resistente, a quantidade de velocidades, a potência e as funcionalidades extras.

(Fonte da imagem destacada: magraphics/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas