Ultima atualização: 26 de abril de 2020

Como escolhemos

16Produtos analisados

22Horas investidas

5Estudos avaliados

75Comentários coletados

Seja bem-vindo ao ReviewBox! Hoje é dia de falarmos sobre o móvel mais importante do quarto de dormir: a cama box. Ela se tornou popular há alguns anos no Brasil e continua, até hoje, a ser um item de desejo.

Não só pelo designer moderno e compacto, mas, principalmente, pela versatilidade no uso e benefícios para a saúde. Como nós passamos pelo menos 1/3 de nossas vidas dormindo, escolher a cama box certa não é um luxo, mas uma necessidade.

Pensando nisso, e para facilitar a sua decisão de compra, vamos mostrar os diferentes tipos de cama box disponíveis no mercado e os fatores que você precisa observar antes escolher o melhor modelo para você.

Primeiro, o mais importante

  • Existem diversos modelos de cama box, com tamanhos, funcionalidades e tecnologias diferentes e específicos para cada tipo de pessoa.
  • Tão importante quanto a escolha do modelo certo é a escolha do colchão ideal de acordo com suas necessidades e características.
  • Antes de decidir sobre um determinado modelo, nós vamos mostrar os fatores principais a serem considerados para que você faça a compra ideal e garanta muito mais do que boas noites de sono.

Melhores camas box do mercado: Nossas recomendações

A cama box é um item essencial no quarto e tomou o lugar da cama tradicional pelo seu visual compacto, moderno e versátil. Pensando nisso, listamos os 7 melhores modelos para você ter excelentes opções de escolha.

Cama box de solteiro com molas ensacadas

Desenvolvida para suportar até 100 quilos, essa cama box de solteiro da Umaflex promete dar boas noites de sono a quem escolhê-la. A marca segue os padrões mais exigentes de qualidade, e esse modelo, chamado Conjugado Granada, tem molas ensacadas de 13,5cm com tecido do tampo 100% em poliéster.

Cama box de casal com colchão

Esse conjunto de cama e colchão da BF colchões é ideal para casais que querem ter noites de sono tranquilas. O colchão tem espuma com densidade D33 e tecnologia antialérgica e antiácaro. Seu revestimento é 100% em poliéster, e a cabeceira é revestida em corino.

Cama box de casal ortopédica

Essa cama de casal é estruturada com madeira pinus e revestida em poliéster, com colchão tem densidade D20. O design, preto com estampa japonesa, pode ser um diferencial em seu quarto. Esse modelo conta ainda com proteção completa contra ácaros, bactérias e fungos. Mede 188x138x52cm e pesa 26 quilos.

Guia de Compra

Passamos um terço das nossas vidas dormindo, isso quer dizer que uma pessoa de 75 anos, dormiu em média o equivalente a 25 anos nesse período. Se esse dado assusta, na verdade ele nos serve de alerta para perceber a importância do sono na nossa vida e saúde.

Quer escolher a melhor cama box para tirar o melhor proveito do seu sono? Basta continuar com a gente até o fim desse Guia de Compra!

 mulher deitada na cama de bruços olhando para a câmera e sorrindo

Passamos um terço das nossas dormindo, logo a cama é um item extremamente importante para nossa saúde. (Fonte: GORBACHEVSERGEYFOTO/ Pixabay)

O que é uma cama box?

A cama box caiu no gosto dos lares brasileiros por ocupar menos espaço do que uma cama comum. Isso porque este móvel é constituído essencialmente pela base e pelo colchão.

Sem as partes laterais de madeira, metal ou outros materiais existentes nas camas tradicionais, a cama box ocupa menos espaço, reduzindo-se apenas ao tamanho do colchão.

Dessa forma, a cama box torna-se uma grande vantagem para quem possui espaço limitado ou mesmo para quem deseja otimizar a área do quarto.

A cama box caiu no gosto dos lares brasileiros por ocupar menos espaço do que uma cama comum. Isso porque este móvel é constituído essencialmente pela base e pelo colchão.

Sem as partes laterais de madeira, metal ou outros materiais existentes nas camas tradicionais, a cama box ocupa menos espaço, reduzindo-se apenas ao tamanho do colchão.

Dessa forma, a cama box torna-se uma grande vantagem para quem possui espaço limitado ou mesmo para quem deseja otimizar a área do quarto.

 Cama Box e criado mudo, com parede marrom ao fundo e armário de madeira ao lado

A cama box é ideal para espaços pequenos já que não possui laterais e a cabeceira é um item opcional. (Fonte: Pexels/ PixaBay )

Qual a diferença da cama box para a tradicional?

Por ser uma cama de estrutura simples e moderna, também é possível personalizá-la de acordo com o seu gosto e mudar a decoração sempre que você quiser.

A ausência da cabeceira, por exemplo, que poderia ser um problema, é na verdade uma de suas principais versatilidades.

Mas o melhor é que você pode trocar a sua cabeceira sempre que quiser, dando novos ares de conforto e decoração ao seu quarto.

Sem contar que ainda é possível deixar a cama sem a cabeceira, utilizando almofadas e travesseiros, quadros e pinturas diferenciadas na parede que fazem às vezes de encosto decorativo.

Como a cama tradicional é composta por estrados, laterais e cabeceira fixa, nada disso é possível. E, se você enjoar, é preciso trocar a cama inteira, o que significa mais gastos.

Quarto com cama box de casal, com quadro na parede e aparador ao lado com banquinho e espelho.

Você pode usar a criatividade e substituir a cabeceira da cama box por almofadas e quadros na parede. (Fonte: ErikaWittlieb/Pixabay )

Por todas essas vantagens e pelo designer clean a cama box combina facilmente com qualquer outro móvel que você tenha no seu quarto.

Outro diferencial é que a cama box possui quatro opções de tamanho; solteiro, padrão, queen e king e pode ainda incluir gavetas e baú para armazenagem.

Além disso, a box pode suportar colchões mais densos e maiores. Falaremos mais sobre os diferentes tipos de cama box em Critérios de Compra.

Por ser uma cama de estrutura simples e moderna, também é possível personalizá-la de acordo com o seu gosto e mudar a decoração sempre que você quiser.

Já a cama comum possui geralmente dois tamanhos, de solteiro e de casal. E, como falamos acima, devido ao seu designer, a cama tradicional ocupa mais espaço no quarto.

Além disso, a cama comum é restrita com relação aos tipos de colchão por conta da pouca resistência do estrado o que leva, inclusive, à deformação do colchão em tempo mais curto.

Para entender melhor as diferenças entre a cama box e a cama tradicional confira a tabela abaixo:

Cama Box Cama Tradicional
Estrutura Design compacto e moderno: base + colchão. Com ou sem cabeceira, com ou sem baú e gavetas Ocupa mais espaço: cabeceira + laterais + estrado. Variedade de modelos e de materiais, como madeira, ferro, etc.
Montagem Não precisa ser montada Precisa ser montada por profissionais
Colchão Base suporta qualquer tipo de colchão. Pode vir com ou sem colchão Estrado não suporta qualquer colchão, que sempre tem que ser comprado à parte
Durabilidade Colchão dura mais tempo por causa da base firme Colchão se deforma mais rápido por causa do estrado

Quais as vantagens e desvantagens da cama box?

Mesmo conhecendo as diferenças entre a cama box e a cama comum, é possível que você ainda não esteja convencido das vantagens de se ter uma box em seu quarto.

Por isso, nós vamos mostrar a você todos as vantagens, e também as pequenas desvantagens, da cama box.

Para além da economia de espaço e da versatilidade no quesito decoração e utilidade, a cama box é mais benéfica para a sua saúde.

Como você sabe, é fundamental que a sua cama venha acompanhada de um colchão resistente e de qualidade.

Como a cama box possui base de madeira firme, reta e plana, ela suporta colchões mais densos e altos e os preserva por mais tempo das deformações. Sua coluna e sua saúde agradecem.

Com a tecnologia, hoje é possível encontrar colchões com molas e espumas especiais que são mais resistentes. Falaremos sobre este assunto nos Critérios de Compra.

Ainda assim, a cama box pode apresentar algumas desvantagens. Em alguns casos, a depender da altura da base e também do colchão, a cama box pode ficar muito alta. Isso pode causar dificuldades para você subir e descer da cama.

Outro ponto negativo é que, apesar de conferir liberdade para você decorar como quiser, é preciso desembolsar um pouco mais para que a cama se destaque na decoração.

Para tanto, é você gastará mais se quiser acrescentar a cabeceira e também a saia, usada para esconder e enfeitar a base da cama box.

Dependendo do modelo, a cama box pode vir sem os pés. Ou seja, é fica diretamente sobre o chão o que dificulta a limpeza.

Além disso, geralmente a base da cama é revestida com tecido, o que pode ser prejudicial para pessoas com alergia. Por isso, opte pelos modelos que possuem tecnologia antialérgica no revestimento.

Para entender as vantagens e desvantagens da cama box, nós preparamos o quadro abaixo. Confira:

Vantagens
  • Economia de espaço
  • Decoração versátil
  • Colchão mais denso
  • Preserva por mais tempo o colchão
Desvantagens
  • Sem pés, irá dificultar a limpeza embaixo da cama
  • Gasto extra com cabeceira e saia decorativa
  • Difícil para subir e descer da cama
  • Se o tecido não tiver tecnologia, pode ser prejudicial a alérgicos

Quanto custa uma cama box?

Não é de se estranhar que os preços da cama box variam bastante. Tamanha a diversidade de modelos, material de fabricação, funcionalidade e tecnologia fazem com que a cama box custe entre cerca de R$ 170 e R$10.000.

Neste quesito é importante perceber que as camas mais baratas não terão a durabilidade e qualidade necessárias para que você tenha um sono merecido e que preserve sua saúde.

Mas também não é preciso desembolsar todo o seu orçamento na sua cama box. Lembre-se apenas de que a cama certa pode fazer a diferença no seu dia a dia.

Por isso, o ideal é considerar os modelos com material resistente que acompanhem colchões com tecnologia que beneficiem o seu bem-estar.

Onde comprar uma cama box?

Você encontra camas box nas grandes lojas de departamento, lojas especializadas de colchões e móveis e em hipermercados como Ponto Frio, Casa Bahia, Extra, Etna e Lojas Americanas.

Mas como a variedade de preços e modelos é imensa, a melhor opção é pesquisar, comparar e comprar em lojas online como a Amazon e o Mercado Livre.

Além de adquirir sua cama box sem deixar o conforto da sua casa, você ainda consegue achar os melhores preços.

Critérios de compra: Fatores a observar antes de comprar a sua cama box

Vimos até aqui que em comum todas as camas box tem tamanho otimizado, versatilidade e trazem benefícios para a sua saúde.

E que para fazer a escolha mais acertada é importante pensar a longo prazo, considerando a qualidade, a durabilidade e a tecnologia, já que uma cama costuma ser um móvel pouco ou quase nunca trocado.

Mas como existem diferenças importantes entre os diversos modelos disponíveis no mercado, é fundamental conhecer e considerá-las antes de realizar compra.

Para ajudar na sua decisão listamos abaixo os fatores que diferenciam uma cama box da outra, para que você adquira a que mais atenda as suas necessidade e expectativas.

Tamanho

O primeiro fator a observar antes de adquirir sua cama box é o tamanho do móvel. A escolha vai depender do objetivo e do destino que você dará ao quarto, seja ele para criança, solteiro, casal ou hóspedes.

Existem muitas opções, variando do solteiro infantil até o king size. Mas, o mais importante ao entender os variados tamanhos e medidas das camas box é garantir que haverá espaço adequado e suficiente no quarto.

Já vimos que a cama box é formada apenas por uma base e o colchão. Sendo assim, o que determina o tamanho do móvel são as dimensões do colchão.

Apesar de existirem variações com relação às dimensões das camas box, podemos considerar quatro tipos mais comuns de serem encontrados.

São elas: cama box solteiro; cama box casal padrão; cama box casal queen size; e cama box casal king size.

Confira na tabela abaixo os tipos de cama box e suas dimensões:

Cama Box Dimensões
Solteiro 88cm x 188 cm
Casal (padrão) 138cm x 188 cm
Queen Size 158cm x 198cm
King Size 193cm x 203cm

Com essas medidas em mão, você pode se certificar de que haverá espaço suficiente no quarto e qual a melhor opção a comprar.

Escolhido o tamanho da sua cama box, o próximo passo é decidir que tipo de cama você prefere: conjugada ou separada.

Box conjugado ou separado

Se você optar por uma cama box de casal, queen ou king é importante considerar a estrutura das peças. Existem os modelos com peças separadas e os com peças conjugadas.

A cama box conjugada é aquela em que o colchão está preso, permanentemente, à base. É, portanto, uma peça única. Esse modelo é o mais barato e também o menos resistente.

A grande desvantagem é que, quando o colchão atingir sua vida útil ou precisar ser trocado por qualquer razão, será preciso trocar a cama também. No final das contas, o barato sairá mais caro.

Homem dormindo em cama box de solteiro

A cama box em que a base e o colchão são separados é a melhor opção se você quer um móvel com vida útil longa. (Fonte: Viacheslav Iakobchuk/ 123rf)

Além disso, com o colchão preso à base não é possível prender o lençol de forma correta.

A melhor opção é a cama box de peças separadas. Este modelo, apesar de mais caro do que o conjugado, tem uma durabilidade maior e um maior custo-benefício.

Com a cama box separada, você poderá trocar apenas o colchão quando ele atingir sua vida útil.

Base simples ou bipartida

Outro fator a ser considerado ao escolher a melhor cama box para você é a base do móvel. A cama box oferece duas variações de base: a simples e a bipartida.

A simples é um bloco único. A bipartida é aquela que aparenta ser duas camas de solteiro juntas, com uma divisória no meio. A diferença básica é que a bipartida é mais resistente e, por isso, suporta colchões mais pesados e maiores.

Este modelo sustenta melhor o peso evitando que os colchões e a base de sustentação afundem e se deformem com o tempo.

Funcionalidade

Uma das maiores vantagens de uma cama box é que ela pode adquirir outras funções, além de lhe oferecer uma bela noite de sono.

Especialmente para quem tem pouco espaço disponível no quarto, esta é uma categoria que traz vários benefícios extras.

Uma das maiores vantagens de uma cama box é que ela pode adquirir outras funções, além de lhe oferecer uma bela noite de sono.

Existem três tipos de cama box no que se refere a sua funcionalidade: as com baú, as com gavetas e as com cama auxiliar.

  • Cama box baú: O interior da base é utilizado como espaço de armazenamento. Como seu interior é oco, há uma grande área para guardar itens que você não utiliza todos os dias. Ao levantar o colchão, geralmente com o sistema pistão, é possível guardar, por exemplo, roupas de cama e de banho, liberando espaço nos armários.
  • Cama box com gaveta: É outra opção para otimizar o espaço e a organização. No modelo solteiro, costuma ter duas gavetas na base da cama. Nos modelos casal, queen e king, pode vir com até quatro gavetões, dois de cada lado da cama. O importante é que você se certifique de que há espaço suficiente para você abrir as gavetas. Diferentemente da cama box baú, cuja abertura ocorre para cima, aqui as gavetas abrem lateralmente. Vale frisar que, geralmente, esses modelos são vendidos sem o colchão e, muitas vezes, sob encomenda.
  • Camas duplo box: Este modelo vem acompanhado de uma cama auxiliar. A duplo box é ideal para quem recebe visitas com frequência. A ideia é aproveitar ainda mais o espaço já que você não precisará ter outra cama para receber seus hóspedes.

Densidade do colchão

Existem diversos tipos de colchão no mercado, o que pode te desanimar e levar você a fazer uma escolha precipitada. As consequências de comprar um colchão de má qualidade ou inadequado para você podem ser negativas.

A escolha do colchão errado pode causar dores no corpo, problemas de coluna, dores de cabeça e insônia. Sem contar que uma noite mal dormida reflete na qualidade da rua rotina, provocando cansaço e estresse.

Para evitar que isso aconteça com você, vamos mostrar quais os fatores essenciais a levar em conta antes de se decidir por um colchão.

Um item interessante para aumentar o seu conforto durante o sono, muito comum nas camas box, é o pillow top.
Trata-se de uma camada de espuma extra, de cerca de 10 cm, colocada sobre o colchão.

Colchão e travesseiro, sem lençol e sem fronha, com um ursinho de pelúcia sobre a cama.

Tão importante quanto a escolha do modelo da cama box, é a escolha da densidade do colchão. (Fonte: congerdesign/Pixabay)

O pillow top confere mais maciez e conforto e é um item que recomendamos ser incluído na sua compra.

O principal fator a ser considerado ao escolher o seu colchão para cama box é a densidade, que torna o colchão mais ou menos duro.

A densidade do colchão varia de acordo com o peso da pessoa que irá usar a cama.

Os especialistas recomendam que você opte pelo meio termo. O ideal é que o colchão mantenha sua coluna alinhada.

Para lhe ajudar nessa escolha, confira a tabela abaixo com as dimensões dos colchões em relação ao peso da pessoa:

Densidade Peso da Pessoa
D18 crianças de até 3 anos
D23 até 50kg
D26 até 60kg
D28 até 70kg
D33 Até 90kg
D45 até 150kg

Não há problemas em adquirir um colchão com densidade acima do seu peso.

O problema está no inverso. Um colchão de densidade mais baixa para o seu peso pode deformar com mais rapidez e ainda causar problemas como dores nas costas.

Na dúvida, o mais recomendado e utilizado é o D33.

Colchão de espuma ou de molas

Outro fator a ser considerado, e tão importante quanto a densidade, é o tipo de material interno dos colchões. Hoje em dia existe uma grande variedade de materiais com diferentes tecnologias. No entanto, os principais e mais utilizados são as espumas e as molas.

Casal deitado na cama, cobertos por edredon branco

Casais devem dar atenção especial ao tipo de material do colchão para garantir o conforto na hora de domir. (Fonte: sasint/ Pixabay)

Colchão de espuma

É macio, confortável, mais barato, mas também é menos durável. Dura entre três e cinco anos.

Ainda assim, esta pode ser uma excelente aquisição. O que vai definir a sua qualidade é o tipo de espuma e a tecnologia usada nele.

Uma das mais encontradas é a espuma viscoelástica, desenvolvida pela NASA. Esse material faz com que o colchão se molde ao corpo, garantindo conforto e sustentação.

Existem ainda tecnologias inovadoras como a espuma de gel, que ativa a circulação sanguínea e regula a temperatura corporal.

Outras são capazes de diminuir dores musculares, evitar formigamentos, além de serem antialérgicas e antiácaros. Algumas tecnologias foram projetadas, inclusive, para que você não precise virar o colchão de tempos em tempos.

Mulher deitada em cama de casal em quarto com paredes de madeira e clarabóia no teto

O tipo do colchão é importante para que você tenha ainda mais conforto. (Fonte: Free-Photos/ PIxabay)

Colchão de molas

É o mais popular entre os brasileiros por sua durabilidade. Este colchão tem vida média útil de 10 anos. Apesar de ser mais caro do que o colchão de espuma é o que tem melhor custo-benefício.

Ele possui um sistema de molas de aço e tem diferentes arranjos que fazem a diferença na hora de deitar. Entre esses arranjos vamos destacar os dois mais comuns: o sistema de molas bonnel e o pocket.

No colchão de molas bonnel as molas são entrelaçadas e possuem uma camada de espuma. Esse modelo é mais barato e é mais recomendável a pessoas solteiras ou casais que se mexem pouco na cama.

Com a tecnologia bonnel, se duas pessoas estiverem dormindo na cama os movimentos de uma serão sentidos pela outra, o que pode gerar desconforto.

Isso acontece porque como as molas são entrelaçadas, todas elas são acionadas ao mesmo tempo quando alguém se deita ou se mexe.

Já o colchão de molas pocket ou ensacadas, possui molas embaladas individualmente, o que garante uma maior estabilidade.

Por isso, são as mais recomendadas para casais já que a movimentação de uma pessoa não interfere no sono da outra.

Além de tudo isso, não se esqueça de conferir se o modelo de colchão escolhido é aprovado pelo INMETRO, instituto que regula a qualidade de produtos.

(Fonte da imagem destacada: Free-Photos/ Pixabay)

Por que você pode confiar em mim?

Nômade digital, jornalista, leitora e questionadora compulsiva. Já trabalhou em jornais diários e sites de notícias no Brasil, e em plataformas online na Irlanda e na França. Hoje, roda o mundo escrevendo sobre temas variados, sempre atenta às novas tecnologias e a tudo que surge para trazer leveza à vida.