Ultima atualização: 26 de abril de 2020

Como escolhemos

8Produtos analisados

15Horas investidas

2Estudos avaliados

54Comentários coletados

Olá! Bem-vindo ao ReviewBox Brasil. No artigo de hoje falaremos sobre o caldeirão, um modelo de panela ideal para preparar receitas com caldo ou que demandem bastante líquido no cozimento. Disponíveis em diversos tamanhos, os caldeirões são também perfeitos para quem precisa cozinhar em grandes quantidades.

Siga conosco até o fim deste artigo e confira todos os detalhes sobre esse modelo de panela, e as características para as quais você deve estar atento para escolher o caldeirão ideal para seus objetivos e necessidades.

Primeiro, o mais importante

  • Disponíveis em diversos tamanhos e materiais, os caldeirões são ideais para preparos com bastante liquido ou caldo, além de receitas em grandes quantidades.
  • Material, capacidade, tipo de tampa, revestimentos e detalhes são algumas das características para as quais você deve atentar na hora de escolher seu caldeirão.
  • O valor do produto varia de acordo com o tamanho, material e marca. è possível encontrar versões pequenas a partir de R$30, enquanto as maiores e em materiais mais sofisticados podem custar mais de R$500.

Melhores caldeirões: Nossas recomendações

Para quem gosta de receber pessoas e testar receitas um bom caldeirão é indispensável. Mas escolher o modelo ideal é fundamental para garantir o sucesso dos preparos. Confira nossa seleção com alguns dos melhores modelos de caldeirão do mercado e inspire-se para ecolher o seu!

Versão de inox com fundo triplo

Com diâmetro de 28cm, o caldeirão de aço inox Tramontina vem com fundo triplo. Muito mais resistente e versátil, pode ser usado em fogões a gás, elétrico, vitro cerâmico e de indução e até mesmo no forno. Também pode ir na máquina de lavar louças. O fundo triplo proporciona cozimento uniforme e mais rápido, dispensando uso do fogo alto, economizando gás ou energia.

Versão com revestimento antiaderente

Feito em alumínio com revestimento interno e externo de antiaderente Starflon T1, esse caldeirão Tramontina é fácil de limpar e não gruda, dispensando uso de gordura no preapro de alimentos. Com alças de baquelite antitérmico e pegador de nylon, facilita o uso e manuseio. O charme a mais do modelo fica por conta da tampa de vidro temperado com saída de vapor e borda de aço inox.

A melhor opção de alumínio de alta capacidade

Com capacidade para 45 litros, o caldeirão Hotel Leve em alumínio n° 40  da Vigor tem espessura de 3 milímetros. Ideal para cozinhas de hotéis e restaurantes, tem 36 centímetros de altura e 40 centímetros de largura e comprimento. Com a qualidade do alumínio Vigor, é resistente e durável sendo destaque na linha de produtos para o segmento Industrial / Hoteleira.

Guia de Compra

Para preparar um boa sopa caseira, as receitas do dia a dia em um restaurante, ou aquela comida especial para reunir toda a família, o caldeirão é a opção perfeita para o preparo de sopas, caldos, feijão, ensopados e demais  receitas com molhos, caldos ou que demandem bastante líquido no processo de cozimento.

Acompanhe nosso Guia de compra e confira todos os detalhes deste produto, além das características para as quais você precisa estar atento na hora de escolher seu caldeirão.

Chef de cozinha prova receita preparada em caldeirão

Caldeirão é perfeito para o preparo de sopas, clados, cremes e demais receitas com bastante líquido. (Fonte: Dmitrii Shironosov/ 123rf.com)

O que é e para que serve o caldeirão?

O caldeirão é um dos melhores e mais versáteis tipos de panela para o cozimento de alimentos. Podendo ser feito de ferro, inox ou alumínio – que são as versões mais populares –  ou ainda de cerâmica, barro, vidro ou pedra.

O caldeirão é a escolha mais popular para o preparo de receitas em grandes quantidades.

Com constituição alta e funda, a panela caldeirão conta com duas alças posicionadas nas laterais. É a escolha mais popular quando há a necessidade de preparar receitas volumosas ou em grandes quantidades.

O produto é ideal para preparos que demandam a utilização de uma quantidade maior de água ou líquidos em geral, como sopas, caldos, feijoadas, ensopados e caldeiradas. Macarrão, nhoque e massas em geral também têm cozimento mais adequado no caldeirão. Conheça algumas vantagens e desvantagens desse modelo de panela:

Vantagens
  • Ideal para receitas com caldo
  • Existem versões para uso doméstico e profissional
  • Disponíveis em vários modelos e materiais
  • Alças laterais fac ilitam o manuseio
Desvantagens
  • Algumas versões podem ser bem caras
  • Poucas opções de design

Como escolher o caldeirão ideal?

Existem milhares de versões de caldeirões de qualidade no mercado. Mas para escolher o modelo ideal é preciso considerar alguns aspectos das suas necessidades e expectativas de uso para eleger o produto que melhor poderá te atender.

Comece ponderando o tipo de fogão em que a panela caldeirão será usada. O caldeirão deve ser compatível com o tipo e o tamanho da chama do fogão. Para cooktops eletrônicos ou de indução, por exemplo, caldeirões com fundo chato são os mais indicados. Se o modelo for de aço inox ou magnético, melhor ainda, pois a aderência será melhor ao fogão.

foco

Dica! Verifique as possibilidades de uso e lavagem do modelo escolhido para ver se eles se adequam à sua rotina. Confira também se o modelo pode ir à máquina de lavar louças, ou se permite a limpeza com esponja de aço ou outros materiais abrasivos para evitar danos ao material.

Se for comprar online, tente visitar uma loja física que ofereça o modelo escolhido para conferir pessoalmente o peso, posicionamento das alças e o acabamento do caldeirão, a fim de se certificar que ele corresponde ao esperado.

Caldeirões mais pesados tendem a conduzir melhor e mais uniformemente o calor. No entanto, eles podem ser difíceis de manusear, especialmente nas versões maiores. Portanto, prefira os modelos de espessura mediana, evitando as peças extremamente finas e leves, que tendem a ser mais frágeis e menos duráveis.

Como usar e conservar o caldeirão?

De acordo com o material do modelo escolhido, seu caldeirão pode demandar alguns cuidados no uso e na manutenção,para garantir a melhor conservação do produto. Confira dicas:

  • Em modelos de fundo triplo use fogo brando para evitar que o alimento grude no fundo do caldeirão;
  • Para evitar danos à parte externa do caldeirão, nunca o use em chamas que ultrapassem o diâmetro do fundo da panela;
  • Sempre dissolva o sal em água fervendo ou com os alimentos, mexendo os ingredientes no início do cozimento. O ingrediente pode causar manchas no caldeirão, especialmente em modelos de inox ou alumínio;
  • Nas versões em inox além do sal, alimentos com amido, como massas e arroz, podem deixar manchas. Remova com suco de limão ou vinagre;
  • As alças metálicas aquecem durante o cozimento, use luvas durante o manuseio;
  •  Evite deixar o caldeirão vazio sobre uma fonte de calor;
  • Nos modelos onde a fixação do cabo ou puxador da tampa utiliza parafusos, pode haver afrouxamento com o tempo de uso. Para maior segurança aperte os parafusos com uma chave de fenda com frequência;
  • Deixe o caldeirão quente somente em superfícies resistentes ao calor.

Quais receitas podem ser feitas no caldeirão?

Com já ficou claro, as panelas caldeirão são bastante versáteis. Por sua constituição funda e fabricação em capacidades maiores – podendo variar de 5 a mais de 100 litros, os caldeirões são ideais para fazer receitas com líquido que precisará ferver bastante no preparo, sem que haja risco do conteúdo entornar.

Algumas das receitas mais comumente preparadas em caldeirões são:

  • Sopas;
  • Caldeiradas;
  • Ensopados;
  • Feijão;
  • Feijoada;
  • Caldos em geral;
  • Molhos;
  • Cremes, etc.

Quanto custa e onde comprar um caldeirão?

O preço do caldeirão varia muito de acordo com modelo, marca, material e
detalhes do produto. É possível encontrar versões pequenas e com características básicas bem em conta, por cerca R$30. Já modelos mais sofisticados, com materiais especiais e maiores capacidades podem custar mais de R$500.

Você pode comprar seu caldeirão em lojas físicas de utilidades
domésticas, como a Camicado, Etna, Tok Stok, dentre outras. No entanto é
comprando pela internet que você poderá encontrar maior variedade de marcas
e modelos do produto, aproveitando a comodidade dos sites de e-commerce
como Amazon, Mercado Livre e Fast Shop.

Conjunto de caldeirões em diferentes tamanhos sobre fogão de indução

Escolher o caldeirão adequado a cada modelo de fogão é garantia de bom desempenho.(Fonte: Katarzyna Białasiewicz /123rf.com)

Critérios de compra: Como comparar os tipos de caldeirão

Agora que você já leu nosso artigo até aqui já está conhecendo bastante sobre os caldeirões, seus modelos, usos, valores e muito mais. Mas para que você possa escolher sem medo de errar, listaremos ainda alguns critérios que você poderá usar na hora de comparar os modelos de caldeirão de seu interesse. São eles:

Na sequência vamos te explicar detalhadamente cada um desses critérios.

Capacidade e tamanho

A capacidade dos caldeirões é medida em litros, enquanto o tamanho é medido pelo diâmetro. Os padrões podem variar de acordo com a marca e modelo do produto. Alguns modelos com o mesmo diâmetro, por exemplo, podem ser mais fundos que outros, o que altera para mais ou para menos a capacidade do caldeirão.

Escolha de acordo com as suas necessidades mais frequentes. Um modelo grande demais pode ter pouco uso para uma família pequena, por exemplo. Já modelos pequenos são ideais para o dia a dia, mas pouco eficientes para quando é preciso cozinhar para um grande número de pessoas.

Material

Embora os caldeirões possam ser fabricados em diversos tipos de materiais, como cerâmica, barro, pedra sabão, etc., os materiais mais populares são:

  • Inox: Ideal para todos os tipos de alimentos. Não apresenta riscos de contaminar os alimentos com resíduos;
  • Alumínio: Mais barato, o material é bom condutor de calor. Não é indicado para o preparo de molhos ácidos, cítricos ou receitas ricas em sal. O alumínio reage com esses os ingredientes e libera resíduos na comida, o que pode ser prejudicial à saúde;
  • Antiaderente: Acessíveis e versáteis são ideais para todos os preparos, exceto frituras. Caldeirões nesse material devem ser sempre usados com colheres e espátulas de plástico ou silicone para evitar danos ao revestimento;
  • Ferro: Capaz de reter o calor uniformemente, é mais pesada que as demais versões. Deve ser lavada logo após o uso, pois enferruja com facilidade.
Ingredientes para sopa ao lado de caldeirão pequeno em inox

Modelos em inox, ferro e alumínio são os mais populares no mercado. (Fonte: Stevepb/ Pixabay.com)

Tipo de tampa

Os caldeirões podem ter a tampa de vidro ou tampa do mesmo material da panela, dependendo do modelo escolhido e da marca do produto. As tampas de vidro, em geral, estão disponíveis apenas para modelos de menor capacidade, destinado a uso doméstico.

Consideradas mais sofisticadas e elegantes, as tampas de vidro têm a vantagem de ser transparentes, permitindo a visualização do processo de cozimento sem que seja necessário remover a tampa do caldeirão.

Revestimentos e detalhes

Os caldeirões podem ter revestimento antiaderente dos tipos:

  • Teflon: O antiaderente mais tradicional do mercado. Impede que os alimentos grudem na hora do preparo, dispensando o uso de gordura para grelhar ou refogar;
  • Cerâmico: Mais saudável que o teflon, não libera resíduos danosos à saúde se descascar ou danificar;

Os modelos revestidos tem a vantagem de serem mais fáceis de lavar, e da antiaderência, que dispensa o uso de gordura no preparo para que a comida não grude. No entanto, elas são mais delicadas. O revestimento pode descascar com a falta de cuidado. Por isso, só de deve usar colheres de plástico, madeira ou silicone com caldeirões  revestidos, e lavar sempre com o lado macio da esponja.

Além dos revestimentos internos e externos, os caldeirões também podem apresentar detalhes nas tampas e alças. Embora nos modelos mais tradicionais – das chamadas linha hotel ou industrial – a alça do caldeirão seja constituída do mesmo material do corpo da panela, existem versões com revestimento plástico ou em silicone.

Esses modelos são mais práticos, pois evitam que as alças aqueçam no uso, facilitando o manuseio.

(Fonte da imagem destacada: eak_kkk/ Pixabay.com)

Por que você pode confiar em mim?

Helena Sartori Cozinheira Profissional
Helena AINDA não participou do MasterChef, mas tem certeza que sua hora vai chegar. Cozinheira desde os 17 anos, quando ajudava no restaurante de sua tia, ela sabe de cor e salteado quais são os utensílios e ingredientes necessários para preparar cada uma das receitas especiais de seu livro. No SweetestHome, compartilha esse conhecimento com o público.